• AcquaPro import.

As principais doenças em peixes marinhos.


PRINCIPAIS DOENÇAS

Ao adquirimos um peixe ou animal marinho, devemos tomar alguns cuidados para que o mesmo não venha com doenças ou parasitas. Primeiramente devemos sempre saber a procedência do animal e verificar se a loja que revende esse animal possui um

a quarentena e realiza o tratamento com cobre e formalina antes de liberar o animal para venda aos clientes. Isso irá prevenir as doenças e dará uma segurança para que leve o animal e coloque o mesmo em seu aquário, mas se por um caso você não souber a procedência e o tratamento preventivo dado ao animal pela loja, e o peixe adquirido vir a ter alguma doença, abaixo iremos ajuda-lo com os principais tipos de doenças, causas e o tratamentos sugeridos.

Antes de tomar qualquer ação ou usar qualquer medicamento, devemos observar muito bem e definir qual é o tipo de agente patogênico ( fungos, bactérias, vírus, parasitas internos e externos.) e se existe alguma alteração nas condições do aquário como pH, densidade, salinidade, temperatura, níveis elevados de NH3 , NO3 , CU, CO2 , níveis baixos de O2, etc.

Seguem abaixo, algumas doenças e problemas que podem afligir seus animais.

DOENÇA – Ectoparasitas monogenéticos. CAUSAS E SINTOMAS – Pontos pretos no corpo, emagrecimento rápido. Parasitas visíveis a olho nu. Peixes se esfregando. TRATAMENTO – Remova os peixes afetados para um aquário hospital, e aplique um desinfetante marinho.

DOENÇA – Copépodas parasitas. CAUSAS E SINTOMAS – Os copépodas e seus sacos de ovos são visíveis agarrados na pele ou nas brânquias dos peixes. TRATAMENTO – Em aquário hospital, aplique um desinfetante marinho. Se for possível remova os parasitas com uma pinça.

DOENÇA – Suprolegnia (Fungo) CAUSAS E SINTOMAS – Geralmente aparecem em peixes machucados ou recém comprados. Manchas parecidas com algodão, de cor branca ou cinza, no corpo ou nadadeiras. TRATAMENTO – Pincele as áreas afetadas com desinfetante marinho. Depois leve o peixe para o aquário hospital para tratamento com um bactericida e fungicida.

DOENÇA – Cryptocaryon irritans (Íctio marinho). CAUSAS E SINTOMAS – Respiração difícil. Pequenos pontos brancos no corpo e nadadeiras. Natação junto a superfície. TRATAMENTO – Dos invertebrados, remova-os do aquário, e deixe-os 2 minutos em água doce. Mantenha-os em quarentena por duas semanas. Tratamento dos peixes, remova-os para um aquário hospital e realize o tratamento com formalina e cobre, além de realizar uma alimentação variada com garlic e muita proteína.

DOENÇA – Inflamação renal. CAUSAS E SINTOMAS – Olhos inchados, ou ventre inchado, ou escamas eriçadas. TRATAMENTO – A cura é difícil. Em aquário hospital use bactericida e fungicida e alimente com flocos especiais contendo um antibiótico de largo espectro e um vermífugo.

DOENÇA – Infeção bacteriana aguda.

CAUSAS E SINTOMAS – A maioria dos peixes são afetados. Olhos opacos, nadadeiras roídas, manchas vermelhas na base das nadadeiras, no focinho, boca e linha lateral. TRATAMENTO – Em aquário hospital use bactericida e fungicida e alimente com flocos especiais contendo um antibiótico de largo espectro e um vermífugo.

DOENÇA – Vermes intestinais. CAUSAS E SINTOMAS – Emagrecimento rápido e do peixe e sem apetite. TRATAMENTO – Alimente todos os peixes com flocos especiais contendo um antibiótico de largo espectro e um vermífugo.

DOENÇA – Tuberculose. CAUSAS E SINTOMAS – Falta de apetite. Emagrecimento, Natação irregular. TRATAMENTO – Alimente todos os peixes com flocos especiais contendo um antibiótico de largo espectro e um vermífugo.

DOENÇA – Oodinium ocellatum. (Veludo). CAUSAS E SINTOMAS – Corpo coberto por um brilho aveludado formando manchas grandes. Respiração ofegante. TRATAMENTO – Remova os invertebrados para outro aquário, onde deverão ficar por no mínimo 2 semanas. Os peixes serão tratados no próprio aquário com um parasiticida.

DOENÇA – .Ulceração no corpo. CAUSAS E SINTOMAS – Geralmente começa nas nadadeiras. Quando chega ao corpo causa feridas. TRATAMENTO – Em aquário hospital usar um bactericida fungicida.

DOENÇA – Olhos inchados. CAUSAS E SINTOMAS – Um olho, ou os dois, aumentam de volume e podem ficar esbranquiçados. TRATAMENTO – Em aquário hospital usar um bactericida fungicida.

DOENÇA – Alteração no pH. CAUSAS E SINTOMAS – Cores esmaecidas. Natação irregular. TRATAMENTO – Verifique o pH. Se estiver abaixo de 7,8 use um tamponador.

DOENÇA – Intoxicação por amônia e nitrito. CAUSAS E SINTOMAS – Respiração acelerada. Natação irregular. Pode haver manchas vermelhas no corpo. TRATAMENTO – Faça os testes de amônia e nitrito. Remova os restos de comida. Realize uma TPA de 50%. Verifique o funcionamento dos sistemas de filtragem.

AcquaPro importação e distribuição 2017

898 views0 comments